Pesquisa revela que quase 47% dos brasileiros só aceitariam imunização contra à Covid-19 após eficácia comprovada da vacina

Uma pesquisa do Instituto MDA, contratada pela Confederação Nacional do Transporte (CNT) e publicada, nesta segunda-feira (26), mostra como os brasileiros estão divididos sobre a vacina contra a Covid-19. Segundo a pesquisa, 46,9% dos entrevistados preferem esperar avanços nos estudos sobre a vacina e os resultados da imunização em outras pessoas para só então se vacinar. Entre os entrevistados, 40,8% querem a imunização assim que a vacina estiver disponível.

A pesquisa CNT/MDA, realizada entre os dias 21 a 24 de outubro, mostra, ainda, que 11,7% das pessoas responderam que não desejam tomar a vacina. De acordo com o Instituto MDA, foram realizadas 2.002 entrevistas presenciais, em 137 municípios de 25 Unidades da Federação. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais.

A pesquisa abordou os brasileiros sobre expectativas em relação a chegada da vacina e, para 59,5%, será possível ter acesso a uma dose do imunizante em 2021. Quanto à retomada das aulas presenciais, 81,1% dos pais responderam que ainda não se sentem seguros para os filhos voltarem à escola.

FONTE: Ceará Agora

Wesley Martins


Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *


Atitude Empreendimentos



Nossas Redes Sociais


FALE CONOSCOCONTATO