Itapajé: Gorete Caetano diz que sua vitória representa “a liberdade do povo”

A prefeita eleita de Itapajé Gorete Caetano (PSD) concedeu sua primeira entrevista de rádio após a vitória nas urnas no último do mingo, dia 15. Nesta quarta-feira, dia 18, em participação no Jornal Integração, da rádio Atitude FM, Gorete se disse honrada e feliz pela vitória e classificou o êxito nas urnas como “a liberdade do povo de Itapajé”.

 

Ela relembrou sua primeira candidatura, ocorrida há mais de três décadas, em que foi derrotada na disputa pela prefeitura e disse que os eleitores a deram “com juro e correção” monetária essa vitória. Gorete Caetano, primeira mulher eleita para o cargo de chefe do executivo municipal, também destacou a importância da militância das mulheres em prol de sua campanha.

 

Ao comentar a larga vantagem de votos para o segundo colocado a eleita citou o que classificou de “derramamento de dinheiro”  e suposto abuso do poder econômico. Apesar disso, segundo ela, o povo votou com consciência em quem queriam entregar os destinos do município.

 

Ela afirmou que ainda não tem um grupo de secretários formado e disse que recebeu ofício da assessoria do prefeito Dimas Cruz para que indique três nomes a compor sua equipe de transição, que em conjunto com a equipe nomeada pelo paço municipal, deverá tratar da mudança de gestão, indicando que a transição de governo não terá sobressaltos.

 

“Irei resgatar a confiança nos políticos, serei uma prefeita diferente, estarei junto com o povo e mantendo aquele meu compromisso de campanha durante a gestão”, disse.

 

Quanto ao seu relacionamento com a câmara de vereadores, a prefeita eleita disse acreditar que terá uma relação harmônica com o legislativo.

 

Ao citar que trabalhará com transparência a prefeita eleita citou uma ação curiosa que disse pretender fazer: “irei colocar um telão para que todos assistam [às sessões da câmara de vereadores], porque aquele espaço ali [as galerias] da câmara eu acho muito pequeno para a população assistir as sessões. Então eu vou querer um telão do lado de fora e eu acho que vou ficar lá com o povo assistindo, toda sessão nós estaremos lá participando para que todos tenham consciência de tudo que acontece no nosso município”, afirmou.

 

A pitoresca sugestão, embora seja boa para que todos os munícipes interessados acompanhem os trabalhos do legislativo, dependerá exclusivamente da anuência da mesa diretora da casa, a ser eleita em 1º de janeiro de 2021. Atualmente, as sessões do legislativo municipal são transferidas pela internet. As reuniões parlamentares têm ocorrido sem a presença de público por causa da pandemia provocada pela COVID-19.

Mardem Lopes


Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *


Atitude Empreendimentos



Nossas Redes Sociais


FALE CONOSCOCONTATO