Enem 2020: pessoas do grupos de risco ao coronavirus podem fazer prova em sala separada

Candidatos do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 com maior risco de desenvolver a forma grave da Covid-19 podem solicitar atendimento especial na aplicação da prova. Ou seja: asmáticos, obesos e doentes crônicos, por exemplo, têm a possibilidade de ficar em salas com número reduzido de alunos.

Camilo Mussa, presidente substituto do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), afirmou que os estudantes podem ligar para a central de atendimento (0800 616161) até 7 de janeiro, quando faltarão 10 dias para o exame.

“É um canal que sempre existiu para o candidato fazer solicitações depois do período de inscrição. Analisaremos os pedidos de quem precisa ficar isolado ou em espaços com menos pessoas”, diz.

Para os idosos, que também são do grupo de risco, não há necessidade de procurar a central. Pela data de nascimento informada na inscrição, o Inep já agrupará os candidatos com mais de 60 anos em salas separadas.

Segundo Mussi, é importante esclarecer que haverá o cuidado geral em reduzir o número de alunos por sala. As solicitações de atendimento especial devem ser feitas apenas por quem realmente precisa, por alguma questão de saúde específica, de um distanciamento social ainda maior.

Fonte: G1/CE

Mário Almeida


Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *


Atitude Empreendimentos



Nossas Redes Sociais


FALE CONOSCOCONTATO