Arquivos Ceará - FM Atitude

Mário Almeida27 de outubro de 2020
chuva-acude-do-cedro-maristela-crispim-1.jpg

2min290

Foto reprodução Google Imagens

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) divulgou alerta nesta terça-feira (27) para possibilidade de chuva entre 20mm e 50mm para parte da região Sul do Ceará e dos Sertões dos Inhamuns, associada a rajadas de ventos intensos entre 40km/h e 60km/h. O alerta classificado como “perigo potencial” tem término às 11 horas desta quarta-feira (28).

Apesar da previsão, o Inmet ressaltou que é baixo o risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas.

A Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) acrescenta a possibilidade de “nebulosidade variável em todas as regiões com possibilidade de chuva nos litorais de Fortaleza e do Pecém, no Cariri e no Sertão Central e Inhamuns”. 

Para o meteorologista da Funceme, Raul Fritz, no entanto, “a tendência é de chuva fraca e passageira para esta quarta-feira”.

Os órgãos convergem quando a explicação das últimas chuvas pontuais ocorridas no Ceará. De acordo com a Funceme e o Inmet, as precipitações decorrem de áreas de instabilidade que se formaram sobre o Oceano Atlântico Tropical, à altura da Bahia.

 

Umidade

 

Nesta terça-feira (26), os índices de umidade relativa do ar melhoraram no interior cearense, segundo levantamento do Inmet.

Em Iguatu, foram observados 22%, Morada Nova (25%), Crateús (26%), Sobral (30%), Jaguaruana (32%), Barbalha (33%), Quixeramobim e Tauá (39%), Tianguá (42%), Fortaleza (51%) e Guaramiranga (53%).

Fonte: Diário do Nordeste


Mário Almeida27 de outubro de 2020
burro.jpg

3min910

Um burro ficou suspenso em uma carroça com excesso de peso no Bairro Salesianos, em Juazeiro do Norte. O caso ocorreu na manhã desta terça-feira (27), foi fotografado e denunciado à polícia ambiental. Uma equipe do Batalhão de Polícia do Meio Ambiente de Juazeiro do Norte constatou que o animal transportava uma carga pesada de tijolos.

Segundo o sargento Marcos A. Silva, da Polícia Ambiental, o dono do animal foi identificado e notificado para se apresentar à delegacia. O caso foi encaminhado para a Polícia Civil do Ceará, que deve instaurar um inquérito.

O sargento afirma que apenas com análise de um veterinário pode ser verificado se o animal sofreu algum tipo de maus-tratos. O animal, contudo, foi solto em campo aberto após o incidente.

Além da Polícia Ambiental, a Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Ceará (Adagri) também compareceu ao local.

Punição por maus-tratos

 

Caso seja constatado maus-tratos ao burro, a lei estabelece pena de dois a cinco anos de reclusão em caso de condenação. A pena é aumentada de um sexto a um terço se o crime causa a morte do animal. A lei que tornou mais rígida a punição por maus-tratos a animais foi sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro em 29 de setembro.

Fonte: G1/CE


Mário Almeida27 de outubro de 2020
Sequence-01.00_01_02_20.Still001.png

7min500

O Ministério Público do Estado do Ceará, através do promotor de Justiça da comarca de Pacujá, Francisco Handerson Miranda Gomes, deflagrou nesta terça feira (27), a chamada “Operação Mensalinho” onde foram realizadas buscas e apreensões na residência de oito vereadores, um advogado e três postos de combustível da região. 

A operação é originária de Procedimento Investigatório Criminal (PIC) que tramita na Promotoria de Justiça de Mucambo/Pacujá e apura a ocorrência de crimes envolvendo os poderes Executivo e Legislativo do município de Pacujá, onde as investigações revelam um suposto esquema ilegal, atribuindo aos vereadores e chefe do poder Executivo municipal uma aliança, por meio de compra de votos que possibilita a aprovação favorável dos projetos advindos da Prefeitura municipal votados na Câmara de Pacujá. 

A compra de apoio parlamentar, segundo as investigações, era realizada através de dinheiro, cargos na Prefeitura Municipal e vale-combustível aos vereadores, que se aproveitavam das vantagens advindas da Prefeitura de Pacujá e aprovavam os projetos do chefe do executivo. 

As investigações iniciaram-se em virtude de denúncia a Promotoria de Justiça, relatando a possível prática do esquema “mensalão” (compra de apoio parlamentar) envolvendo os poderes municipais.  

Vários áudios, datados do dia 06 de janeiro de 2020, foram amplamente compartilhados por meio da rede social WhatsApp, tendo como o autor um dos alvos, onde revelam em seu conteúdo a existência de um esquema ilegal, atribuindo aos vereadores e chefe do poder Executivo uma aliança, por meio de compra de votos que possibilita a aprovação favorável dos projetos advindos da Prefeitura municipal votados na Câmara Municipal de Pacujá. 

Conforme consta nos autos, os áudios são dirigidos a dois vereadores de Pacujá, também alvos da operação, ocasião que é relatado que estes e outros vereadores da cidade estariam sendo corrompidos pelo presidente da Câmara e pelo Prefeito, em troca de apoio político e do silenciamento dos parlamentares diante de possíveis maus feitos dos referidos chefes de poderes. 

O esquema criminoso permitia a construção de uma base sólida entre os poderes municipais, ocasião que os parlamentares estariam recebendo tais quantias, no intuito de apoiar os projetos e demais iniciativas vinculadas ao Poder Executivo. 

 

Como funcionava o esquema

 

De acordo com as provas colhidas, havia duas espécies de “mensalinhos” na cidade de Pacujá, sendo um comandado pelo Chefe do Legislativo e outro pelo Executivo. O Presidente da Câmara repassava a quantia de R$ 1.000,00 aos vereadores e o prefeito determinava “doações” de combustível, em forma de propina, além de garantias de emprego a pessoas próxima dos vereadores e ainda o valor de R$ 2.000,00 por mês a cada vereador. 

O mensalinho em forma de combustível possibilitava os vereadores o transporte de pessoas, para tratamentos médicos em Sobral ou para qualquer outra atividade, cuja finalidade era de fato angariar potenciais eleitorais, utilizando-se possivelmente até de carros pertencentes ao executivo. 

Não obstante a quantia recebida pelos parlamentares investigados, bem como a “doação” de combustíveis, pertencia ainda a aliança firmada entre os poderes, a cessão em massa de familiares e correligionários de vereadores em diversos setores do ente municipal.

Os indícios podem ser observados em simples consulta ao Portal do TCE e portal de transparência do município, os quais demostram de maneira clara a relação de parentes de vários membros do poder legislativo, que estão empregados em cargos vinculados ao poder executivo, dentre eles funções que permitem certa forma de autoridade, delimitadas na capacidade discricionária, secretárias, e demais cargos comissionados e/ou de confiança. 

Vale destacar que um dos alvos da operação, vereador de Pacujá, é o parlamentar que possui a maior quantidade de parentes relacionados aos cargos comissionados encontrados no Portal do TCE, sendo o mesmo ex-presidente da Câmara municipal, e filho de ex-prefeitos de Pacujá e do atual candidato a prefeito da situação, sendo de conhecimento notório que esse grupo político encontra-se no poder a várias gestões, e é o responsável por controlar a estrutura e organização da política municipal, sendo todos alvos de investigação por parte do Ministério Público. 

Na busca foram apreendidos celulares, tablets, notebooks, computadores, mais de 10 mil reais em dinheiro, além de documentos e anotações que podem subsidiar uma investigação e responsabilização na esfera eleitoral, caso sejam comprovados ilícitos nessa esfera. 

Por fim, vale ressaltar que todas as provas colhidas na operação serão encaminhadas a Procuradoria dos Crimes contra a Administração Pública – PROCAP, para apurar a responsabilidade do Prefeito local. A investigações quanto aos vereadores e outros alvos ficarão a cargo da Promotoria de Justiça de Pacujá. 

 

Fonte: CN7


Mário Almeida26 de outubro de 2020
cervejas.jpeg

6min880

Três homens foram presos por roubar um caminhão que levava cerveja, na BR-222, em Caucaia, na Grande Fortaleza, na noite da última quarta-feira (21). O motorista foi feito refém e abandonado em um matagal perto da rodovia. O trio foi preso e a carga foi recuperada na tarde de sexta-feira (23).

De acordo com a Polícia Civil, as 1.964 garrafas e 228 latas de cerveja roubadas foram armazenadas pelos suspeitos em um terreno do Bairro São Bento, na capital, e seriam vendidas. Os policiais tentam localizar outros dois homens que participaram da ação.

O delegado Pedro Viana, responsável pelas investigações, explica que o motorista foi abordado por dois carros na rodovia e um dos suspeitos efetuou disparos de arma de fogo para cima, forçando a parada do caminhão.

Dois suspeitos entraram no veículo, fizeram o motorista refém e dirigiram até uma zona de mata. No matagal, o caminhoneiro foi supervisionado por um suspeito, enquanto os outros levaram o caminhão para o terreno onde a carga foi depositada.

Após ser liberado pelos suspeitos, a vítima saiu caminhando pela BR-222 e encontrou uma composição da Polícia Militar. Ele foi ouvido pelos policiais e encaminhado para prestar Boletim de Ocorrência (BO).

Policiais civis conseguiram localizar os homens e os carros utilizados no assalto na tarde de sexta-feira (23), no Bairro Maraponga.

Um dos suspeitos estava sozinho em um dos veículos, no estacionamento de um supermercado. O homem, que já tinha antecedentes criminais por ameaça, lesão corporal e violência doméstica, confessou a participação no crime e entregou a localização do terreno onde estava a bebida.

No outro carro, estavam os outros dois suspeitos. Um deles, que já tinha passagens na polícia por roubo, também confessou a participação e afirmou que o revólver utilizado estava guardado em sua casa. Os policiais foram até o local e apreenderam a arma, escondida no guarda-roupa do homem.

Os três foram presos preventivamente e autuados por roubo. De acordo com o delegado Viana, eles afirmaram em depoimento que outros dois homens também participaram da ação. A polícia trabalha para identificar e localizar esses outros suspeitos.

Viana explica que a carga seria vendida e que a polícia acredita que o grupo já realizou outros roubos. Para ele, o fato de os veículos utilizados estarem no nome dos suspeitos indica que eles estavam confiantes de que não seriam pegos. “Isso demonstra que não são amadores. Já fizeram tanto. Pela BR, ninguém imagina que a polícia vai descobrir”, afirma o delegado.

Fonte: G1/CE


Mário Almeida24 de outubro de 2020
capotagem.jpg

2min1340

Criminosos capotaram um carro durante uma perseguição policial em Juazeiro do Norte, no Ceará, na manhã desta sexta-feira (23). O condutor do veículo, de 20 anos, e um adolescente que estava como passageiro, sofreram lesões leves. A ação foi registrada por câmeras de segurança.

O  carro dos suspeitos seguiu em alta velocidade por uma rua. Ele colidem em um automóvel que estava estacionado e o veículo capota. Logo em seguida, os suspeitos descem do carro com as mãos para o alto. Eles estavam sendo perseguidos pela Polícia Militar.

Em nota, a Secretaria da Segurança Pública informou que uma equipe da PM fazia ronda pelas ruas do Bairro Pio XII, quando um veículo quase colidiu com eles e, em seguida, fugiu em alta velocidade. Foi dada ordem de parada, mas o motorista não obedeceu e começou a perseguição.

A Delegacia Regional de Juazeiro do Norte registrou um termo circunstanciado de ocorrência (TCO) por desobediência e direção perigosa contra condutor do veículo, que não teve a identidade divulgada pela polícia.

Fonte: G1/CE


Mário Almeida24 de outubro de 2020
testagemmm.jpeg

3min830

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou nesta quinta-feira (23) os dados da edição mensal da Pesquisa Nacional de Amostra de Domicílios (Pnad) Covid-19, indicando que 880 mil cearenses já realizaram algum teste para detecção do novo coronavírus até o último mês de setembro.

O número representa 9,6% da população do Ceará e também um salto de 22,6% em relação aos exames laboratoriais contabilizados em agosto.

A pesquisa do IBGE aponta que, dos testes acumulados, 260 mil tiveram diagnóstico positivo para Covid-19, isto é, 2,8% da população, diz o órgão.

Até a tarde desta sexta-feira (23), o Ceará confirmou 269.255 casos de Covid-19 e 9.245 óbitos pela doença.

Para obter o total de pacientes testados, a Pnad Covid-19 leva em consideração três tipos de testes: o sorológico, em que o sangue é retirado da veia do braço do paciente; o teste rápido, com apenas um furo no dedo, e o SWAB, aquele onde é introduzido um cotonete na boca ou nariz.

Sobre os itens de higiene para evitar a infecção pelo SARS-CoV-2, o estudo aferiu que 99,8% dos domicílios do Ceará dispõem de sabão e detergente; 98,9% de água sanitária e desinfetante, e 96,1% de álcool em gel. Por outro lado, somente 27,9% dos lares informaram ter luvas descartáveis.

Fonte: G1/CE


Mário Almeida23 de outubro de 2020
armasss.jpg

3min1310

O governador do Ceará Camilo Santana anunciou na manhã desta sexta-feira, 23, a entrega do último lote de um total de 11.559 armas adquiridas para reforçar o arsenal da Polícia Militar do Estado do Ceará (PMCE). Na ocasião, o governador colocou à disposição mais 3.893 pistolas semiautomáticas para os oficiais da segurança pública do Estado.

De acordo com o governador, o Ceará é o primeiro estado brasileiro a fazer a aquisição deste modelo de arma para um efetivo policial. A pistola semiautomática Sig Sauer P320 calibre 40 tem fabricação na Suíça, na Alemanha e nos Estados Unidos e é utilizada desde 2017 pelo exército estadunidense.

“Quando eu assumi o Governo do Estado, eu assumi um compromisso de que, ainda no meu governo, todo o policial militar teria uma arma individual no seu trabalho diário. É um absurdo uma arma ser dividida por policiais durante o seu trabalho”, afirmou Camilo Santana durante o anúncio realizado em live nas redes sociais oficiais do governador.

 

 

Mais investimentos na segurança pública

 

 

Ainda durante a transmissão direto do Batalhão Especializado do Choque, o governador, acompanhado do comandante geral da PMCE, coronel Márcio Oliveira, e do secretário da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará, Sandro Caron, anunciou a licitação de novos uniformes para o efetivo da Polícia Militar cearense.

Além disso, Sandro Caron também reforçou um aumento no valor da Indenização de Reforço Operacional (Irso), que funciona como uma espécie de hora extra para policiais que estariam em folga reforçarem a força operacional nas ruas. “O aumento em quase quatro vezes dos valores destinados a Irso proporcionará um ganho operacional imenso. Já determinamos uma intensificação das operações ostensivas e preventivas em Fortaleza e no interior do Estado”, afirmou o secretário.

 

Fonte: O Povo


Mário Almeida23 de outubro de 2020
Praia_de_Iracema_-_Fortaleza-CE_8432880377-1280x853.jpg

3min1220

Um grupo que estava em uma canoa foi resgatado na Praia de Iracema, em Fortaleza, na manhã desta sexta-feira (23). Ciclistas que passeavam na orla da praia perceberem que a embarcação estava afundando e ligaram para o Corpo de Bombeiros.

De acordo com um dos ciclistas, ao olhar para o mar, ele viu os ocupantes da canoa tentando retirar água de dentro da embarcação e acionou o resgate.

O Corpo de Bombeiros informou que o grupo era comporto de oito pessoas, mas uma ocupante da embarcação disse que eram sete.

Conforme a testemunha, antes de os agentes chegarem ao local, outra embarcação foi ao encontro da canoa e ajudou a levá-la até a faixa de areia.

Todos os ocupantes da embarcação usavam colete salva-vidas e ninguém ficou ferido. Na faixa de areia, os bombeiros alertaram ao grupo sobre os cuidados durante a prática da canoagem.

Em agosto deste ano, um caso parecido envolvendo outra embarcação aconteceu na região. Na ocasião, uma aeronave da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) realizou o resgate de um grupo de seis pessoas depois que os caiaques onde estavam virarem em alto-mar.

Fonte: G1/CE


Mário Almeida22 de outubro de 2020
meteoro.jpg

2min980

O rastro de luz gerado pela passagem de um meteoro pode ser visto por diversas cidades na região Nordeste do País. O fenômeno astronômico ocorreu na noite desta segunda-feira e pode ser observado em ao menos cinco estados nordestinos. No Ceará, além da Capital, a passagem do meteoro pode ser vista também em Juazeiro do Norte.

Duas cidades do interior da Bahia, Curaçá e Paulo Afonso tiveram uma visão mais limpa do fenômenos que ocorreu no início da noite desta segunda-feira, 19, e também foi avistado em Pernambuco, Sergipe e na Paraíba. A passagem do meteoro na verdade mostrava sua desintegração em decorrência do atrito gerado com a atmosfera terrestre.

Segundo informações, o meteoro deveria ter um tamanho estimado pouco maior do que o de um grão de feijão, mas que em decorrência da forte velocidade com a qual ele atinge a atmosfera terrestre, o choque com os gases presentes faz com que a rocha entre em combustão e seja vista como uma espécie de clarão ou linha de luz cruzando o céu.

Não há qualquer indício de que o meteoro em questão seja associado a uma nuvem de meteoros ou qualquer outro fenômeno astronômico em ativa nas proximidades com a Terra. O evento foi considerado pontual e sem qualquer risco para a população por especialistas que observaram os registos da passagem do cometa.

 

Fonte: O Povo


Mário Almeida21 de outubro de 2020
1_uece-13846876.jpeg

1min980

A Universidade Estadual do Ceará (Uece) alcançou nota máxima em metade dos cursos avaliados pelo Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade). Foram analisados quatro cursos: Enfermagem, Medicina, Medicina Veterinária, Nutrição e Serviço Social – todos relacionados com área da saúde. A universidade recebeu nota máxima (5,0) em Enfermagem e Medicina e nota 4,0 em Nutrição e Serviço Social. Aplicado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), o Enade busca avaliar o desempenho de cursos superiores em instituições brasileiras.

Junto ao Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), o Enade é ainda utilizado para analisar o valor do curso aos estudantes concluintes, mensurado pelo Indicador de Diferença entre os Desempenhos Observado e Esperado (IDD).

 

Fonte: O Povo



Atitude Empreendimentos



Nossas Redes Sociais


FALE CONOSCOCONTATO