Arquivos alcançando o patamar de R$ 1 - FM Atitude

Wesley Martins16 de outubro de 2020
Sefaz-ce-1280x753.png

2min80

A arrecadação do Estado cresceu cerca de 6,68% na passagem de agosto para setembro, alcançando o patamar de R$ 1,3 bilhão. Este é o quarto aumento mensal consecutivo, após o Ceará apresentar o menor valor de arrecadação em maio, com R$ 746,9 milhões, em decorrência da pandemia do novo coronavírus. Os dados são da Secretaria da Fazenda do Estado (Sefaz).

Mesmo em um cenário de recuperação econômica, devido à interrupção das atividades em diversos setores em todo o Estado, bem como o período de lockdown, a arrecadação do Ceará em setembro deste ano foi superior ao montante visto em igual mês do ano passado. Em 2019, a arrecadação de setembro somou R$ 1,2 bilhão, o que representa, em comparação ao resultado visto em 2020, um incremento de cerca de 8,53%.

Considerando o acumulado do ano, dos meses de janeiro a setembro, o Ceará somou mais de R$ 10,2 bilhões em arrecadação, gerando uma perda real de 9,27% quando se analisa o igual período de 2019, quando foi arrecadado R$ 1,04 bilhão.

Resultados

Correspondente a cerca de 85% da arrecadação de todo o Estado, o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) apresentou o maior valor já arrecadado ao longo dos meses deste ano, com um total de R$ 1,29 bilhão, segundo a Sefaz.

O resultado representa um incremento de 6,67% na passagem agosto para setembro, o que equivale a um aumento de R$ 81,23 milhões de um mês para o outro, na arrecadação do ICMS no Estado.

FONTE: Diário do Nordeste



Atitude Empreendimentos



Nossas Redes Sociais


FALE CONOSCOCONTATO